Publicidade

Estado de Minas INTERNACIONAL

China: EUA bloquearam declaração conjunta na ONU sobre conflito no Oriente Médio


16/05/2021 19:09

Os membros do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) condenaram a violência no Oriente Médio durante uma reunião de emergência neste domingo, mas não chegaram a um acordo sobre uma posição unificada depois que a China acusou os Estados Unidos de bloquear uma declaração conjunta.

"Lamentavelmente, simplesmente por causa da obstrução de um país, o Conselho de Segurança não conseguiu falar a uma só voz", disse o ministro das Relações Exteriores da China, Wang Yi, durante a reunião virtual. "Pedimos aos Estados Unidos que assumam suas devidas responsabilidades de ter uma posição justa."

O Departamento de Estado americano não respondeu a um pedido de comentário.

O secretário de Estado do país, Antony Blinken, questionado na semana passada sobre relatos de que os Estados Unidos haviam adiado uma reunião pública do Conselho de Segurança, disse que queria "dar algum tempo para que a diplomacia surta efeito".

O conflito que começou entre a polícia israelense e os palestinos sobre os despejos em Jerusalém se ampliou, com o grupo militante palestino Hamas disparando foguetes contra Jerusalém e as forças israelenses atingindo alvos em Gaza.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade