Publicidade

Estado de Minas JERUSALÉM

Israel anuncia envio de forças de segurança para conter violência


13/05/2021 08:34 - atualizado 13/05/2021 08:37

O ministro israelense da Defesa, Benny Gantz, ordenou nesta quinta-feira (13) a grande mobilização de forças de segurança nas chamadas cidades israelenses mistas, onde foram registrados incidentes nos últimos dias.

Coincidindo com os bombardeios israelenses em Gaza e os lançamentos de foguetes a partir do território palestino contra Israel, distúrbios de grande violência foram registrados nas cidades em que convivem há décadas israelenses e palestinos que têm a cidadania israelense.

"Estamos em uma situação de emergência (...) e agora é necessário reforçar maciçamente as forças no terreno", afirmou Gantz em um comunicado, no qual informa que convocará oficiais da reserva da guarda fronteiriça, que normalmente opera na Cisjordânia, território ocupado por Israel.

Em Lod, uma cidade próxima a Tel Aviv, grupos de jovens árabes e de judeus extremistas protagonizaram violentos incidentes que provocaram a declaração de estado de emergência na localidade.

Outras cidades do norte de Israel, apresentadas com frequência como exemplos de convivência, também foram cenários de distúrbios semelhantes.

"A violência dentro de Israel atingiu um nível inédito em décadas", afirmou à AFP Micky Rosenfeld, porta-voz da polícia israelense. Ele disse que centenas de pessoas foram detidas desde segunda-feira.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade