Publicidade

Estado de Minas WASHINGTON

Cerca de segurança ao redor da Casa Branca é retirada


10/05/2021 19:52

Depois de ficar fechado ao público por quase um ano, isolado por barreiras de metal, o jardim em frente à Casa Branca foi reaberto nesta segunda-feira (10) em mais um sinal de uma volta à calma em Washington após as tensões da era Trump.

A Lafayette Square, normalmente um oásis de tranquilidade adornado por estátuas de heróis estrangeiros da guerra da independência americana, foi palco de distúrbios entre a polícia e manifestantes antirracistas em junho passado.

Após uma semana de tensões, na qual precisou se refugiar no bunker subterrâneo da Casa Branca, o presidente Donald Trump foi criticado por ter ordenado a evacuação forçada do local, para tirar uma foto, com uma bíblia em mãos, em frente a uma igreja que havia sido vandalizada no dia anterior, na outra extremidade da praça.

As forças policiais então usaram gás lacrimogêneo e bombas de efeito moral para dispersar os manifestantes, sendo que a maioria protestava pacificamente.

Mais tarde as autoridades ergueram uma barreira de metal ao redor da Lafayette Square e nas ruas adjacentes à mansão presidencial.

Esse perímetro de segurança foi mantido ao longo do tempo devido às incertezas decorrentes da eleição presidencial e do violento ataque à sede do Congresso em 6 de janeiro.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade