Publicidade

Estado de Minas PARIS

França amplia quarentena anticovid para passageiros de sete países


07/05/2021 12:30

Os viajantes de sete países devem cumprir uma quarentena obrigatória de dez dias na chegada à França, devido à situação epidemiológica em seus territórios - disse uma fonte do governo à AFP, nesta sexta-feira (7).

Os novos países sob esta restrição são Turquia, Bangladesh, Sri Lanka, Paquistão, Nepal, Emirados Árabes Unidos e Catar.

A medida entrará em vigor neste sábado (8), à meia-noite, após a publicação do decreto correspondente pela manhã, informou a mesma fonte.

Em 24 de abril, cinco países estavam sujeitos a um período de quarentena: Brasil, Índia, Chile, África do Sul e Argentina.

Os viajantes procedentes destes territórios também devem apresentar, no desembarque, um teste PCR negativo para coronavírus de menos de 36 horas.

Em relação a este ponto, "uma tolerância será concedida neste fim de semana para os novos países afetados", disse a mesma fonte do governo à AFP.

No entanto, os passageiros deverão declarar e justificar para a companhia aérea seu local de quarentena na França.

Esta quarentena é acompanhada por uma permissão de saída entre as 10h e 12h locais. Os infratores poderão ser punidos com multa de entre US$ 1.200 a US$ 1.800, em caso de reincidência.

O porta-voz do governo francês, Gabriel Attal, disse na quarta-feira (5) que "1.500 controles" já foram realizados "nas pessoas em quarentena" e que "141 foram multadas".

Estas medidas adicionais foram adotadas no momento em que a pandemia de coronavírus se agrava na Índia e em seus vizinhos. Esta semana, o país registrou quase metade dos casos mundiais.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade