Publicidade

Estado de Minas OTTAWA

Província canadense de Ontário endurece confinamento pela pandemia


16/04/2021 22:02

Ontário, a província mais populosa do Canadá, prorrogou o confinamento e endureceu as medidas para conter os contágios de covid-19, incluindo um fechamento de suas fronteiras a viagens não essenciais, anunciou nesta sexta-feira (16) seu primeiro-ministro, Doug Ford.

Com 14 milhões de habitantes, Ontário registrou nesta sexta um recorde de 4.812 novos casos e 25 óbitos.

"Estamos perdendo a batalha entre as variantes (do vírus) e as vacinas", disse Ford em coletiva de imprensa.

"Podemos mudar isso. Comemos poeira, mas não acabou", acrescentou, ao anunciar a extensão por duas semanas do confinamento que já vigorava desde 8 de abril, até 19 de maio. Neste período, a população só poderá sair para atividades essenciais.

A polícia poderá tomar medidas contra os infratores e impor multas de 750 dólares canadenses (US$ 600).

O governo também anunciou a interrupção de obras de construção não essenciais, a limitação de reuniões ao ar livre a membros da família e outra pessoa, enquanto proibiu a prática de esportes ao ar livre, como golfe ou basquete.

Também limitou a ocupação em estabelecimentos essenciais, como farmácias e supermercados, a 25%. Casamentos, funerais e cerimônias religiosas deverão ser limitadas a 10 pessoas.

As fronteiras interprovinciais com Quebec e Manitoba permanecerão fechadas a viagens não essenciais a partir da segunda-feira.

Ontário bate recordes de contágios pelo coronavírus há vários dias, bem como de hospitalizações e pacientes em unidades de terapia intensiva, sobrecarregando seu sistema de saúde.

O Canadá registra há vários dias mais casos de covid per capita do que os Estados Unidos, segundo a Universidade Johns Hopkins, e acumula mais de 1,1 milhão de casos e cerca de 23.500 mortos desde o início da pandemia.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade