Publicidade

Estado de Minas YANGON

Líder birmanesa Aung San Suu Kyi foi acusada de violação de lei sobre segredos de Estado


01/04/2021 13:51

A líder birmanesa Aung San Suu Kyi, destituída pelo regime militar, foi acusada de ter violado uma lei sobre segredos de Estado que data da época colonial, informou nesta quinta-feira (1º) seu advogado.

As autoridades "abriram um novo processo judicial em 25 de março, acusando-a de ter violado a lei sobre segredos de Estado", disse o advogado Khin Maung Zaw à AFP.

Aung San Suu Kyi já havia sido acusada de corrupção e "incitação à desordem pública".


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade