Publicidade

Estado de Minas NOVA YORK

Polícia de Nova York divulga vídeo de novo ataque contra mulher asiática


30/03/2021 12:45

A polícia de Nova York tuitou nesta terça-feira (30) um vídeo de um homem agredindo violentamente uma mulher de descendência asiática em Manhattan e emitiu uma ordem de busca, no mais recente incidente de uma série de agressões contra membros desta comunidade nos Estados Unidos.

As imagens, feitas perto do meio-dia de segunda-feira pelas câmeras de vigilância de um prédio próximo a Times Square, mostram uma mulher, de 65 anos segundo a polícia, caminhando quando de repente um homem se aproxima, a joga no chão com um empurrão e chuta sua cabeça várias vezes antes de ir embora.

O vídeo também mostra outro homem que observa a cena de dentro do prédio, que rapidamente é acompanhado por um terceiro. Quando o agressor se afasta, um desses homens fecha a porta do prédio sem fazer nada para ajudar a mulher caída no chão.

A vítima, cuja identidade não foi divulgada, foi hospitalizada com uma fratura na pelve e várias lesões, disse a polícia. Seu estado era estável nesta terça-feira.

O agressor proferiu insultos racistas contra a vítima, segundo a polícia, e a unidade especializada neste tipo de crime está encarregada da investigação.

Esta mesma unidade continua à procura de outro homem que agrediu uma mulher em uma estação de metrô de Manhattan no sábado, pouco antes das 21h00.

A mulher não sofreu grandes lesões e recusou a assistência médica. Nessa ocasião, o agressor também proferiu insultos racistas, disse um porta-voz da polícia de Nova York.

Assim como outras metrópoles americanas, Nova York vivenciou um aumento da violência contra pessoas de origem asiática nos últimos meses.

Em 15 de março, um homem matou a tiros oito pessoas, incluindo seis mulheres de origem asiática, em vários spas da área de Atlanta.

A polícia de Nova York reforçou sua presença nos bairros com uma grande população asiática e montou patrulhas voluntárias para tranquilizar seus vizinhos.

Várias manifestações em solidariedade à comunidade asiática aconteceram com a presença de personalidades, entre elas o influente reverendo Al Sharpton e candidatos à prefeitura da cidade.

Nova York tem mais de um milhão de habitantes de origem asiática.

Somente na semana de 15 a 21 de março, a polícia registrou nove crimes "motivados pelo ódio", em comparação com os três crimes registrados no mesmo período de 2020, segundo estatísticas oficiais.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade