Publicidade

Estado de Minas IMUNIZAÇÃO

COVID-19: Nova York começa a vacinar quem tem mais de 30 anos

Anúncio foi feito pelo governador Andrew Cuomo; maiores de 16 anos serão vacinados a partir de 6 de abril


29/03/2021 16:21 - atualizado 29/03/2021 16:45

Vacinação nos EUA está acelerada, diferentemente de outros países(foto: Reprodução/Reuters)
Vacinação nos EUA está acelerada, diferentemente de outros países (foto: Reprodução/Reuters)
 
A partir desta terça-feira (30/3), os maiores de 30 anos já começam a ser vacinadas contra a COVID-19 no estado de Nova York, nos Estados Unidos. O anúncio foi feito pelo governador Andrew Cuomo.
 

“Estamos dando um passo monumental na briga para vencer a COVID-19. Nova York vai fazer com que a vacina seja acessível para toda a comunidade, garantindo equidade, particularmente para as comunidades de cor, que muitas vezes são deixadas para trás”, disse Andrew Cuomo.
 
Outros estados também iniciaram a vacinação de pessoas consideradas fora dos grupos de risco, mas, mesmo com a campanha de imunização acelerada, o governador alertou a população para que continuem seguindo as medidas de proteção até que boa parte da população seja vacinada.

“Podemos ver uma luz no fim do túnel, mas até chegarmos lá, é importante que todo e cada nova-iorquino use máscara, respeite o distanciamento social e siga as normas de segurança”, ressaltou.
 

 
A situação de Nova York é bem diferente se comparada com o ano passado, onde o estado foi o mais atingido pela pandemia. Atualmente, cerca de 29% dos moradores já foram imunizados com a primeira dose – somando 9 milhões de doses aplicadas.

O estado tem adotado medidas de reabertura, como a volta dos eventos esportivos e shows. Na cidade de Nova York, restaurantes já podem receber 50% da capacidade nos ambientes fechados.

A expansão da vacinação dos EUA é efeito da meta estabelecida pelo presidente Joe Biden em vacinar a população nos 100 primeiros dias do governo. A meta inicial, de 100 milhões de doses em 100 dias, foi cumprida e dobrada para 200 milhões até o fim de abril.

*Estagiário sob supervisão da subeditora Kelen Cristina


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade