Publicidade

Estado de Minas NOVA YORK

EUA: taxa de títulos a 10 anos alcança 1,62%, máximo no ano


05/03/2021 11:50 - atualizado 05/03/2021 11:55

O rendimento dos títulos do Tesouro a 10 anos atingiu nesta sexta-feira o nível mais elevado em 2021 e também o valor máximo em mais de um ano, depois do anúncio de um forte aumento na criação de empregos nos Estados Unidos em fevereiro.

A taxa de juros dos títulos a 10 anos alcançou 1,62% na manhã de sexta-feira, um nível que não era registrado desde fevereiro de 2020. As taxas a 30 anos também subiram a 2,33%.

As taxas de juros dos títulos americanos, que evoluem no sentido inverso a seu preço, estão aumentando desde o início do ano.

O mercado se preocupa com o risco de inflação com a retomada da economia americana e a aceleração da campanha de vacinação contra o coronavírus.

As tentativas do presidente do Federal Reserve (Fed), Jerome Powell, de acalmar os temores, ao apontar que as taxas básicas permanecerão baixas e que o aumento de preços será temporário, não deu resultados.

Em consequência, muitos investidores que antecipam uma alta dos preços e um eventual aumento das taxas do Fed vendem seus títulos, o que aumenta seu rendimento.

A economia dos Estados Unidos criou 379.000 empregos em fevereiro e a taxa de desemprego caiu levemente para 6,2%, informou o Departamento do Trabalho, um resultado melhor que o esperado.

As novas contratações aconteceram principalmente no setor de hotelaria e lazer, que foi duramente afetado pelas restrições implementadas na pandemia e que criou em fevereiro 355.000 postos de trabalho.

Os analistas esperavam um total de 200.000 novos postos de trabalho.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade