Publicidade

Estado de Minas MADRI

Nova noite de protestos na Catalunha termina em quatro detidos


20/02/2021 10:27

Quatro pessoas foram detidas na Catalunha (nordeste) em uma nova noite de protestos e violência, após a polêmica prisão do rapper espanhol Pablo Hasél - informou a polícia local neste sábado (20).

É a quarta noite consecutiva de distúrbios na Espanha, desta vez concentrando-se na Catalunha.

Segundo um porta-voz da polícia, duas pessoas foram detidas em Barcelona, e outras duas, na cidade catalã de Girona.

Oito policiais ficaram feridos nos confrontos e, de acordo com fontes médicas, outras seis pessoas também ficaram levemente feridas.

Os confrontos explodiram na noite da última terça-feira na Catalunha, horas depois da detenção de Pablo Hasél, de 32 anos, condenado a passar nove meses preso por ter publicado tuítes com insultos à monarquia e à polícia, além de elogios a pessoas envolvidas em crimes de terrorismo.

Na sexta-feira à noite, grupos de manifestantes cometeram atos de "vandalismo" em Barcelona, aos gritos de "Pablo Hasél, liberdade!". Durante os enfrentamentos, lançaram petardos, latas e garrafas contra o cordão policial que cercava a sede da Polícia Nacional, no centro de Barcelona.

Mais de 100 pessoas foram presas desde o início dos protestos. Dezenas sofreram ferimentos leves, incluindo policiais, e uma jovem perdeu a visão de um dos olhos ao ser atingida por um projétil de espuma disparado pela polícia.

A prisão do rapper também alimentou o debate sobre a liberdade de expressão na Espanha e aprofundou as diferenças dentro da coalizão governamental, entre os socialistas, do presidente Pedro Sánchez, e o partido Podemos (esquerda radical).


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade