Publicidade

Estado de Minas BOGOTÁ

Colômbia supera os 50.000 mortos pela covid-19


21/01/2021 21:54

A Colômbia superou nesta quinta-feira (21) a marca dos 50.000 mortos pela covid-19 em dez meses e meio de pandemia, enquanto o país atravessa uma segunda onda de contágios que deixa os hospitais à beira do colapso.

No último boletim, o ministério da Saúde reportou 395 novos óbitos, elevando o total de mortes no país a 50.187 desde 6 de março.

Enquanto isso, o número de contágios detectados no mesmo período aumentou para 1.972.345.

O crescimento do número de infecções reportado após as festas de fim de ano levou à imposição de restrições à mobilidade em uma dúzia de departamentos que têm mais de 70% de ocupação nas unidades de terapia intensiva (UTI).

Além disso, os prefeitos das principais cidades determinaram neste fim de semana um confinamento estrito pela terceira semana consecutiva.

Depois de detectar o primeiro caso de covid-19 no começo de março de 2020, o governo nacional impôs um confinamento estrito no fim do mesmo mês.

Mas, diante da crise econômica provocada pelas medidas, relaxou o confinamento desde 1º de setembro, apostando em uma estratégia baseada no uso generalizado de máscaras e na proibição de eventos multitudinários.

A Colômbia é o quarto país com mais contágios por milhão de habitantes na América Latina e no Caribe, e o sexto em número de mortos, segundo uma contagem da AFP, com base em cifras oficiais.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade