UAI
Publicidade

Estado de Minas PARIS

Morre a atriz Nathalie Delon, ex-esposa de Alain Delon


21/01/2021 15:35

A atriz, francesa Nathalie Delon, que foi esposa da estrela francesa Alain Delon, morreu nesta quinta-feira (21) em Paris, aos 79 anos, disse seu filho, Anthony Delon à AFP.

"Minha mãe morreu nesta manhã às 11h, em Paris, cercada de seus familiares. Morreu de um câncer muito rápido", declarou à AFP.

"Estou muito triste. Me faz muito mal quando se vão aqueles que amamos", disse Alain Delon à AFP. "Nathalie foi minha primeira e única senhora Delon", afirmou.

A atriz atuou ao lado de seu esposo em "O Samurai" de Jean-Pierre Melville. Atuou também em 30 filmes, em papéis secundários, até o início dos anos 80 e depois passou para atrás das câmeras como cineasta.

Dirigiu "Chama isso um acidente" (1982) e "Sweet Lies", "Doces mentiras" em português (1986), com Treat Williams, entre outros. Publicou suas memórias em 2006.

De origem espanhola, nasceu como Francine Canovas em 1º de agosto de 1941 em Oujda, no Marrocos, na época, um território ultramarino francês.

Chegou a Paris em 1962 após separar-se de seu primeiro marido, Guy Barthélémy, com quem teve uma filha.

A jovem de olhos verdes tinha 21 anos quando conheceu Alain Delon em uma discoteca parisiense, seu futuro marido era noivo de Romy Schneider.

Então, se deu início a uma paixão proibida até que Delon deixou Romu para se casar com ela em agosto de 1964, em segredo.

O casal viajou no barco "France" em lua de mel e construíram sua vida em Los Angeles, onde um mês depois nasceria seu filho, Anthony.

O fantasma de Romy Schneider cercava sua relação. "Alain não me falava dela, mas eu a via em algumas ocasiões com um semblante de tristeza no olhar", afirmou muito tempo depois.

Depois, sua relação se deteriorou na mansão em que viviam, em Hollywood, depois que Nathalie não conseguia conviver com as rápidas conquistas de seu marido. Se divorciaram em fevereiro de 1969. Posteriormente, Alain Delon iniciou um relacionamento com a atriz Mireille Darc.

Mas "nos víamos com frequência. Fazia parte da sua vida e ela da minha. Estivemos juntos no Natal. Tiramos fotos, as últimas", disse Alain Delon nesta quinta-feira à AFP.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade