Publicidade

Estado de Minas BERLIM

Partido conservador alemão aposta na continuidade com a era Merkel


16/01/2021 08:45

Armin Laschet, um moderado defensor de continuar com a linha política de Angela Merkel na Alemanha, foi eleito neste sábado (16) presidente do partido político da chanceler, o partido conservador CDU.

Com uma maioria de 521 votos a favor sobre um total de 1.001, Armin Laschet, de 59 anos, recebeu mais apoios que Friedrich Merz (466 votos), rival histórico da chanceler e favorável a um giro à direita no partido, segundo os resultados desta votação interna.

Essas eleições no CDU são decisivas para o futuro da Alemanha, já que o vencedor - neste caso, Laschet - ocupa uma boa posição para ser o candidato a chanceler do partido nas eleições legislativas de 26 de setembro e ser o sucessor de Merkel, que está no poder desde 2005.

Mas a presidência do CDU não lhe garante automaticamente esse privilégio, já que o líder do partido para as eleições é designado posteriormente e pode haver outros pretendentes ao cargo.

Os 1.001 delegados do partido tiveram que escolher entre Laschet, Merz e o independente Norbert Rottgen. Os três vêm da mesma região, Renania do Norte-Westfalia, mas seus perfis são muito diferentes.

Laschet substitui no cargo a que foi considerada por muito tempo a mão direita de Merkel, Annegret Kramp-Karrenbauer, que a sucedeu na presidência em 2018 e renunciou em 2020 por não conseguir unir as fileiras do partido.

Essas eleições no CDU foram adiadas várias vezes por culpa da pandemia do coronavírus.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade