Publicidade

Estado de Minas ELEIÇÕES AMERICANAS

Vice de Trump, Pence rejeita pedido para não reconhecer vitória de Biden

Mike Pence afirma não ter 'autoridade para decidir quais votos eleitorais devem ser contados'


06/01/2021 15:42 - atualizado 06/01/2021 15:57

Mike Pence preside a sessão no Congresso e é o responsável por anunciar o vencedor das eleições presidenciais (foto: APF/Reprodução)
Mike Pence preside a sessão no Congresso e é o responsável por anunciar o vencedor das eleições presidenciais (foto: APF/Reprodução)
O vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, divulgou nesta quarta-feira (06/01) a declaração enviada ao Congresso dos Estados Unidos dizendo que ele não tem "autoridade unilateral para decidir quais votos eleitorais devem ser contados”.

No documento, o republicano rejeita expressamente o pedido do presidente Donald Trump para invalidar a eleição. "Meu juramento de apoiar e defender a Constituição me impedem de reivindicar autoridade unilateral para determinar quais votos eleitorais devem ser contados e quais não devem.”
 
 

Na declaração, Pence ainda diz que tem dúvidas sobre a integridade eleitoral e que tentará garantir que elas sejam tratadas na Sessão Conjunta do Congresso, mas que "não acredita ter autoridade para contar ou rejeitar unilateralmente os votos eleitorais".

Nesta quarta-feira, Trump joga sua última cartada para impedir a vitória de Biden. Ele tenta convencer a maioria do Congresso a se recusar a certificar ao menos parte dos 306 votos obtidos pelo democrata no Colégio Eleitoral, contra 232 conquistados por Trump.

Segundo a imprensa americana, Trump tentou persuadir seu vice, Mike Pence – que presidirá a sessão no Congresso e é o responsável por anunciar o vencedor –, a buscar refúgios para não declarar a vitória de Biden.

A sessão começou às 15h  no horário de Brasília.

*Estagiária sob supervisão da editora-assistente Vera Schmitz


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade