Publicidade

Estado de Minas

Rede de prostitutas colombianas é desmantelada na França


postado em 15/07/2020 14:37

Um casal franco-brasileiro, suspeito de ter obrigado a se prostituir cerca de trinta jovens colombianas que chegaram à Europa com a promessa de um emprego, foi interrogado em sua casa em Avignon, informou uma fonte da polícia de Nice nesta quarta-feira (15).

O casal, suspeito de que estar relacionado com uma rede de cafetões com sede na Espanha, publicava pequenos anúncios oferecendo serviços sexuais na Riviera Francesa, na região de Paris e de Bordeaux (sudoeste), segundo a mesma fonte.

"Criavam anúncios e se encarregavam de toda a logística, as reservas no hotel ou em apartamentos alugados no Airbnb, e das relações com os clientes. Eram apenas colombianas e isso sugere a existência de uma rede", disse a fonte próxima à investigação.

O francês preso, que foi criminoso na juventude, negou os fatos. A brasileira, ex-prostituta, os subestimou. A polícia estima que sua atividade lhes rendia até 40.000 euros por ano.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade