Publicidade

Estado de Minas

Morre ex-jogador da seleção hondurenha Roberto "Macho" Figueroa


postado em 26/05/2020 20:43

O ex-artilheiro hondurenho Roberto "el Macho" Figueroa, jogador que disputou a Copa do Mundo da Espanha em 1982, morreu aos 61 anos de idade devido a um ataque cardíaco no domingo em São Francisco (EUA), informaram seus amigos nesta terça-feira.

O ex-jogador, que ganhou notoriedade no Mundial e também como artilheiro do Real Murcia da Espanha, morreu em um hospital onde foi atendido de emergência, disse à mídia local Efraín Gutiérrez, seu ex-companheiro de seleção.

"Sentiremos sua falta, Macho", publicou em suas redes sociais o Real Murcia, onde o ex-jogador se destacou entre 1982 e 1986 como um dos artilheiros da história do clube, com 53 gols em jogos oficiais.

Com a camisa do clube, foi um dos destaques das duas campanhas que levaram o Murcia à primeira divisão (1982-83 e 1985-86).

Figueroa estreou aos 17 anos com o Vida de Honduras na primeira divisão e foi convocado pelo técnico José de la Paz Herrera "Chelato" Uclés para a seleção hondurenha, que conseguiu empatar com a Espanha em 1 a 1 na estreia na Copa do Mundo de 1982.

Após o mundial, foi contratado pelo Real Murcia, onde se destacou como artilheiro por sua principal característica de chutes de longa distância.

Figueroa teve então uma curta passagem pelo Hércules (1986-1988), também da Espanha, e encerrou sua carreira no Motagua local.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade