Publicidade

Estado de Minas

Reino Unido superou pico da pandemia, afirma governo


postado em 30/04/2020 14:25

O Reino Unido, segundo país da Europa mais afetado pelo novo coronavírus, com mais de 26,7 mil mortos, superou o pico da pandemia, afirmou nesta quinta-feira o premier Boris Johnson em seu retorno às entrevistas coletivas diárias.

O premier retomou nesta semana suas funções, após ser infectado pelo novo coronavírus e ficar internado por uma semana.

O Reino Unido começou ontem a incluir em seus balanços as mortes por Covid-19 ocorridas em residências, asilos e outros centros, o que fez as cifras dispararem e situou o país no segundo lugar entre os mais afetados na Europa, atrás da Itália.

Até o momento, 26.711 pessoas morreram da doença no Reino Unido, anunciou Johnson, acusado de ter reagido tarde à pandemia e que se encontra, agora, sob forte pressão para anunciar quando e como o país irá relaxar as medidas de confinamento.

O premier se mostrou cauteloso e pediu paciência: "É vital que não percamos o controle e nos direcionemos rapidamente a uma segunda montanha, ainda mais alta", disse, referindo-se a uma nova onda de infecções.

Johnson afirmou ter tomado a decisão de confinar o país no momento adequado, e prometeu apresentar na próxima semana um "roteiro" do relaxamento progressivo do confinamento e da reativação econômica.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade