Publicidade

Estado de Minas INTERNACIONAL

Coronavírus: prefeito de Nova York espera ter plano de reabertura até 1º de junho

Bill de Blasio afirmou que os números de pessoas recebendo tratamento contra a Covid-19 seguem estáveis ou em declínio


postado em 26/04/2020 14:45 / atualizado em 26/04/2020 21:43

Bill de Blasio afirmou que os números de pessoas recebendo tratamento contra a Covid-19 na cidade seguem estáveis ou em declínio(foto: AFP)
Bill de Blasio afirmou que os números de pessoas recebendo tratamento contra a Covid-19 na cidade seguem estáveis ou em declínio (foto: AFP)
O prefeito de Nova York, Bill de Blasio, disse neste domingo que espera ter, até 1º de junho, um plano para reabrir a cidade após a quarentena imposta em decorrência da pandemia do novo coronavírus. O democrata afirmou, em uma coletiva de imprensa, que os líderes locais que convidou para ajudá-lo devem ter um "roteiro" até esta data. Segundo ele, uma reconstrução completa levaria cerca de 20 meses.

"Vamos descobrir como reconstruir e como voltar com força, como tornar claros todos os pontos fortes da cidade, que eram tão claros há apenas alguns meses, e trazê-los de volta, mais fortes do que nunca", disse. Blasio afirmou que o plano deve dar ênfase a tornar a cidade "melhor para todos".

Ele também afirmou que os números de pessoas recebendo tratamento contra a Covid-19 na cidade seguem estáveis ou em declínio. O número de pacientes em unidades de terapia intensiva nos hospitais de Nova York caiu, neste domingo, de 785 para 768. De Blasio afirmou que a cidade não pode começar a reabertura até que a queda seja contínua por um período de 10 a 14 dias.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade