Publicidade

Estado de Minas INTERNACIONAL

Moody's rebaixa rating do México de A3 para Baa1, com perspectiva negativa


postado em 17/04/2020 20:15

A Moody's cortou o rating do México de A3 para Baa1, mantendo a perspectiva negativa. A agência diz que as perspectivas de crescimento econômico do país no médio prazo "têm se enfraquecido de modo substancial", enquanto continua a haver deterioração da posição financeira e operacional da estatal Pemex, o que erode a força fiscal do soberano. Ela menciona ainda em seu comunicado uma capacidade de formulação de políticas e institucional mais fraca no país

A perspectiva negativa reflete o risco de que a força econômica e fiscal se deteriore para além do novo rating, em meio a incertezas sobre a direção da política no médio prazo e o temor de que as respostas políticas sejam insuficientes para lidar com os desafios econômicos e os "continuados problemas financeiros e operacionais da Pemex".

A Moody's diz que a economia mexicana deve crescer "na melhor das hipóteses" 2% entre 2021 e 2023 na média, após uma "contração econômica severa" no ano atual

Em outro comunicado divulgado nesta sexta-feira, 17, a Moody's rebaixou o rating da Pemex de Baa3 para Ba2, também com perspectiva negativa.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade