Publicidade

Estado de Minas

Milhares de pessoas voltam às ruas de Argel um ano depois dos primeiros protestos


postado em 22/02/2020 17:55

Milhares de pessoas saíram às ruas neste sábado no centro de Argel, capital da Argélia, exatamente um ano depois do início do "Hirak", movimento popular que sacudiu os pilares do regime, constatou jornalistas da AFP.

"Nós viemos derrubá-los" e "O povo quer a queda do regime" eram alguns dos hinos cantados durante a manifestação, que ocorre no mesmo local que houve a primeira manifestação há um ano.

Os manifestantes tentaram chegar ao palácio de El Mouradia, sede da presidência argelina, mas foram impedidos pela polícia, que utilizou jatos de água para dispersá-los.

Na sexta, na 53ª sexta-feira consecutiva de protestos, a tradicional manifestação semanal foi uma marcha imensa, que ocupou várias ruas das cidade.

Os manifestantes saíram em massa com o objetivo de manter em pauta as reivindicações que obrigaram o ex-presidente Abdelaziz Buteflika a renunciar.

Eles buscam modificar o sistema que permanece no poder desde a independência do país.


Publicidade