Publicidade

Estado de Minas

Ucrânia: EUA é sócio estratégico, apesar do processo de destituição de Trump


postado em 19/12/2019 08:55

O processo de impeachment contra o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, acusado de chantagear seu colega ucraniano, é um "assunto interno", afirmou a presidência ucraniana nesta quinta-feira, e disse que Washington ainda é um parceiro estratégico de Kiev.

"A Ucrânia não se envolve nos assuntos internos de outros países", disse à AFP Julia Mendel, porta-voz do presidente Volodimir Zelenski.

"Os Estados Unidos continuam sendo um parceiro estratégico para nós e temos o prazer de fortalecer nosso relacionamento expandindo a cooperação em diferentes áreas", acrescentou.

As relações entre Zelenski, no cargo desde maio, e a Casa Branca estão no centro da acusação contra o presidente dos Estados Unidos, alvo de uma votação histórica no Congresso americano.

Zelenski, ansioso por preservar o apoio de Washington, crucial para seu país em conflito com a Rússia, tenta não melindrar Trump ou seus adversários.

A Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, dominada pelos democratas, votou a favor do "impeachment" do bilionário por "abuso de poder" para fins políticos pessoais.

Agora cabe ao Senado, dominado pelos republicanos, julgar Donald Trump, provavelmente em janeiro.

Ele é acusado, entre outras coisas, de ter pedido à Ucrânia para investigar um de seus possíveis rivais nas eleições presidenciais de 2020, Joe Biden e seu filho Hunter, que era membro do conselho de supervisão de um grupo ucraniano e de ter condicionado a esta investigação uma ajuda militar de cerca de 400 milhões de dólares a Kiev.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade