Publicidade

Estado de Minas

Novo incêndio florestal na Califórnia força 4.000 pessoas a deixar suas casas

O incêndio Cave começou na segunda às 16h locais (21h de Brasília) no parque nacional Los Padres e aumentou durante toda a noite


postado em 26/11/2019 20:19 / atualizado em 26/11/2019 20:38

As autoridades informaram que até o momento não há feridos, nem lares destruídos(foto: Apu Gomes / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / AFP )
As autoridades informaram que até o momento não há feridos, nem lares destruídos (foto: Apu Gomes / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / AFP )
Mais de 4.000 pessoas tiveram que deixar suas casas até esta terça-feira (26) em Santa Bárbara, ao norte de Los Angeles, estão em uma área de evacuação no condado de Santa Bárbara, ao norte de Los Angeles, por causa de um incêndio florestal que, 15 horas depois de começar, havia consumido pouco mais de 1.600 hectares.


As autoridades informaram que até o momento não há feridos, nem lares destruídos.


O incêndio Cave começou na segunda às 16h locais (21h de Brasília) no parque nacional Los Padres e aumentou durante toda a noite, alimentado por ventos de até 80 km/h, que o empurraram para áreas povoadas.


O foco "apresenta algumas das condições mais difíceis de conter em todo o mundo", disse o chefe dos bombeiros de Los Padres, Jimmy Harris, em coletiva de imprensa.


"Experimentamos vários fenômenos eólicos marinhos neste ponto e isto secou o leito de combustível até o ponto em que estamos vendo o comportamento do fogo que vimos ontem à noite", acrescentou.


O oficial explicou que os bombeiros enfrentam dificuldades devido aos ventos fortes que empurram as chamas ladeira abaixo e depois morro acima. Um total de 600 bombeiros trabalham para conter o fogo.


Uma boa notícia para os bombeiros é a previsão de tempestade para a noite, embora a chuva traga riscos de inundações e deslizamentos.


Moradores da área mostraram vídeos dirigindo pela autopista 154 com ondas de fogo nas laterais e cinzas por todo o caminho.


"O incêndio Cave está causando condições de perigo extremo para a segurança das pessoas e a propriedade no condado de Santa Bárbara", disse o condado em um comunicado no qual anunciou uma declaração de estado de emergência.


"As condições estão fora do controle dos serviços" de emergência, que solicitaram reforços.


O xerife do condado de Santa Bárbara, Bill Brown, disse que os mais de 4.000 evacuados poderiam voltar às suas casas na terça-feira à tarde se as condições melhorarem.


O Cave se soma aos grandes incêndios que castigaram o estado no mês passado, destruindo várias casas, áreas de vinhedo e obrigando milhares de pessoas a fugir de casa.


Publicidade