Publicidade

Estado de Minas

OEA se reúne na segunda para receber relatório sobre abusos de Ortega na Nicarágua


postado em 22/11/2019 17:13

O relatório da comissão da OEA que apontou "uma alteração da ordem constitucional" na Nicarágua, que atribuiu a violações de direitos humanos e abusos do governo de Daniel Ortega, será apresentado nesta segunda-feira ao órgão executivo do bloco regional.

A Organização dos Estados Americanos (OEA) anunciou nesta sexta-feira (22) que seu Conselho Permanente sessionará de maneira extraordinária na segunda-feira, 25 de novembro, às 11H00 (16H00 GMT) em Washington para receber o relatório da Comissão de Alto Nível da OEA sobre Nicarágua publicado na última quarta-feira.

A Comissão, criada na Assembleia Geral da OEA em junho para buscar uma solução pacífica para a crise que eclodiu na Nicarágua em abril de 2018, concluiu que o governo de Ortega tornou "inviável" o funcionamento democrático no país.

Diante disso, por considerar "infrutíferas" as negociações diplomáticas, a Comissão pediu ao Conselho Permanente que convoque "imediatamente" uma sessão extraordinária da Assembleia Geral da OEA, a reunião de chanceleres do mais alto fórum do organismo.


Publicidade