Publicidade

Estado de Minas

Presidente interina da Bolívia inicia formação do gabinete


postado em 13/11/2019 22:43

A presidente interina da Bolívia, Jeanine Añez, designou nesta quarta-feira seus primeiros 11 ministros, de um total de 20, um dia após assumir o poder após a renúncia de Evo Morales, que se asilou no México.

Na nova equipe se destacam a acadêmica e diplomata Karen Longari como chanceler, e o senador de direita Arturo Murillo como ministro do Interior.

"O trabalho principal da nossa administração será restabelecer a paz social", disse Añez na cerimônia de posse dos ministros.

O novo gabinete assume após três semanas de greves e manifestações deflagradas pelas eleições de 20 de outubro, questionadas pela oposição.

A onda de protestos contra e pró-Morales já deixou 10 mortos e 400 feridos na Bolívia, segundo números oficiais.


Publicidade