Publicidade

Estado de Minas

Irmã do príncipe saudita condenada a 10 meses de prisão com sursis


postado em 12/09/2019 11:13

Um tribunal francês anunciou nesta quinta-feira uma sentença de 10 meses de prisão com suspensão condicional da pena contra a irmã do príncipe herdeiro saudita, acusada de ter ordenado a um segurança que agredisse um encanador que fazia obras em seu apartamento de Paris em 2016.

Hassa bint Salman, filha do rei Salman e irmã do príncipe herdeiro Mohamed bin Salman, julgada à revelia, também foi condenada a pagar multa de 10.000 euros (11.000 dólares).

A condenação foi mais severa que a solicitada pelos promotores, que desejavam uma pena de prisão de seis meses com suspensão condicional e multa de 5.000 euros (5.480 dólares).

A princesa foi acusada de ordenar ao segurança, Rani Saidi, uma agressão a Ashraf Eid, um encanador, depois que ele foi visto fotografando dentro de sua residência em Paris em setembro de 2016.

Saidi, que foi o único nome do caso a comparecer ao tribunal, foi condenado a oito meses de prisão com suspensão condicional da pena e a pagar multa de 5.000 euros.


Publicidade