Publicidade

Estado de Minas

Ainda há 2.500 desaparecidos nas Bahamas após passagem de Dorian

O serviço de emergência do arquipélago declarou que o furacão matou pelo menos 50 pessoas


postado em 11/09/2019 15:54 / atualizado em 11/09/2019 16:39

(foto: NOAA/RAMMB /AFP)
(foto: NOAA/RAMMB /AFP)
Duas mil e quinhentas pessoas continuam desaparecidas nas Bahamas mais de uma semana depois da passagem do devastador furacão Dorian, que matou pelo menos 50 pessoas, informaram os serviços de emergência do arquipélago.


"A esta hora, umas 2.500 pessoas estão inscritas no registro governamental de pessoas desaparecidas", disse Carl Smith, representante da agência de gestão de emergências das Bahamas (NEMA), destacando que a lista ainda não tinha sido comparada com os registros governamentais de pessoas em refúgios ou evacuadas.


Publicidade