Publicidade

Estado de Minas

Bolsonaro acusa Macron de ''disfarçar suas intenções'' sobre a Amazônia

Tensão entre os presidentes do Brasil e da França cresceu desde que foi convocada uma discussão urgente da cúpula do G7 sobre a preservação da floresta brasileira


postado em 26/08/2019 11:07 / atualizado em 26/08/2019 13:03


O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira que seu colega francês Emmanuel Macron "disfarça suas intenções" por trás de seus pedidos para salvar a Amazônia, uma questão que causou uma escalada de tensões entre os dois países nos últimos dias.


"Não podemos aceitar que um presidente, Macron, dispare ataques descabidos e gratuitos à Amazônia, nem que disfarce suas intenções atrás da ideia de uma 'aliança' dos países do G-7 para 'salvar' a Amazônia, como se fôssemos uma colônia ou uma terra de ninguém", tuitou o presidente brasileiro.


Bolsonaro disse em outra mensagem na rede social que conversou com o presidente colombiano Iván Duque sobre "a necessidade de ter um plano conjunto, entre a maioria dos países que integram a Amazônia" para garantir "nossa soberania e nossa riqueza natural".


As tensões entre a França e o Brasil aumentam desde que Macron convocou os líderes das principais democracias industriais na semana passada para uma discussão urgente na cúpula do G7 sobre incêndios na Amazônia, e Bolsonaro respondeu acusando-o de ter uma "mentalidade colonialista".


No domingo, Bolsonaro também fez no Facebook um comentário ofensivo contra a primeira-dama Brigitte Macron.


Bolsonaro reagiu a um post zombando do físico da primeira-dama francesa, comparando-a a Michelle Bolsonaro.

(foto: Sergio LIMA / AFP)
(foto: Sergio LIMA / AFP)


"Entende agora pq Macron persegue Bolsonaro?", aparece escrito ao lado das fotos dos dois casais presidenciais. "É inveja (...) do Macron, pode crê", escreveu o internauta Rodrigo Andreaça.


"Não humilha cara. Kkkkkkk", reagiu em comentário o presidente brasileiro, falando do colega francês.


Nesta segunda, Macron criticou os comentários "extraordinariamente desrespeitosos" de seu colega brasileiro a respeito de Brigitte, dizendo-se "triste por ele e pelos brasileiros".


Bolsonaro fez "comentários extraordinariamente desrespeitosos sobre minha esposa", disse à margem da cúpula do G7 em Biarritz.


"O que eu posso dizer a vocês? É triste, é triste, mas é em primeiro lugar triste para ele e para os brasileiros", afirmou, acrescentando que espera que os brasileiros "tenham um presidente que se comporte à altura".


"Acho que os brasileiros, que são um grande povo, estão um pouco envergonhados de ver esses comportamentos", disse Macron.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade