Publicidade

Estado de Minas

Canadá vai aceitar passaportes venezuelanos vencidos


postado em 19/08/2019 18:13

O Canadá anunciou nesta segunda-feira que aceitará passaportes venezuelanos vencidos, reconhecendo a validade de um decreto do líder opositor Juan Guaidó que amplia a validade desses documentos por cinco anos, em consonância com um passo já dado por países como Estados Unidos e Brasil.

"Os detentores de um passaporte venezuelano que desejam viajar ou permanecer no Canadá agora podem continuar usando seu passaporte se este tiver vencido há menos de cinco anos ou estiver prestes a expirar", afirmou o governo canadense em um comunicado.

O Canadá faz parte do grupo de mais de 50 países que reconhecem Guaidó como presidente interino da Venezuela por considerar que o segundo mandato de Nicolas Maduro, iniciado em 10 de janeiro, é ilegítimo.

"O Canadá reconhece o decreto publicado pela Assembleia Nacional da Venezuela em 7 de junho de 2019 para estender a validade dos passaportes venezuelanos", disse o governo canadense em relação à legislação aprovada pelo Parlamento liderado por Guaidó.

Os Estados Unidos anunciaram em junho que reconhecerão os passaportes venezuelanos expirados e, neste mês, o Brasil se manifestou no mesmo sentido, após um compromisso assinado por 11 países latino-americanos em setembro passado em Quito.

Esse compromisso tem dificuldade para ser aplicado, já que muitos países reconhecem passaportes vencidos, mas em paralelo impuseram vistos que dificultam a entrada de migrantes.

A Venezuela sofre com uma crise sem precedentes - marcada pela hiperinflação - que levou a mais de 4 milhões de pessoas a fugir de seu país nos últimos anos, segundo dados da Agência de Refugiados da ONU (Acnur).

"O Canadá continua profundamente preocupado com a situação política e econômica na Venezuela, que é crítica e está em processo de deterioração", disse o ministro da Imigração, Ahmed Hussen, em comunicado.


Publicidade