Publicidade

Estado de Minas

Ratificação do T-MEC nos EUA está no bom caminho, diz Lighthizer


postado em 18/06/2019 17:31

O governo do presidente Donald Trump considera que a ratificação no Congresso dos Estados Unidos do novo acordo de livre-comércio com Canadá e México (T-Mec) está no bom caminho, segundo um alto funcionário.

"Estamos fazendo progressos nisso e espero que no curso das duas próximas semanas, possamos fazer progressos substanciais", disse nesta terça-feira um Representante Comercial dos Estados Unidos Robert Lighthizer em uma audiência no Senado.

A oposição democrata manifestou que tende a votar a favor, mas lamentou que Trump tenha iniciado o processo de ratificação antes de terminar as discussões bipartidárias.

O T-MEC foi concluído com o México e o Canadá em 30 de novembro e substituirá o Nafta vigente há 25 anos. Para entrar em vigor, deverá ser homologado pelos Congressos de cada país signatário.

O T-MEC estabelece especialmente para o poderoso setor automotivo mudanças nas normas de origem e impõe maiores compras de componentes americanos, o que obriga o México a revisar suas normas trabalhistas e elevar os salários do setor.

"Acho que é o acordo comercial (...) mais importante da história dos Estados Unidos", disse Lighthizer, que liderou a missão negociadora de Washington.

Lighthizer mencionou entre os avanços a regulamentação da economia digital, dos serviços financeiros assim como as proteções à propriedade intelectual.

Ele insistiu que não tem dúvidas sobre a aplicação do tratado.

Na sua opinião, o T-MEC "contribuirá para terminar com a perda de empregos do setor manufatureiro" por contar com cláusulas relativas a trabalho e meio ambiente que são "as mais ambiciosas" já incluídas em um acordo comercial.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade