Publicidade

Estado de Minas

Candidato presidencial argentino Alberto Fernández recebe alta


postado em 06/06/2019 11:07

O candidato presidencial Alberto Fernández recebeu alta nesta quinta-feira, três dias depois de ser hospitalizado em decorrência de uma tosse e dor torácica persistentes.

"Eu estou muito bem. Estou indo para casa para trabalhar", disse Fernández, um advogado de 60 anos, que tem como companheira de chapa a ex-presidente Cristina Kirchner (2007-2015).

A sua internação no centro médico Otamendi de Buenos Aires foi preventiva, após 15 dias de tosse seca com uma inflamação da pleura que lhe causou dor.

"Falei com Cristina (Kirchner) sobre o que acontece na Argentina, a última coisa de que falamos foi sobre a minha saúde", disse ele.

Fernández, que não fuma, teve um coágulo no pulmão há 11 anos.

Fernández e Kirchner anunciaram há duas semanas sua chapa para as eleições presidenciais, nas quais o atual presidente liberal Mauricio Macri tentará a reeleição.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade