Publicidade

Estado de Minas

EUA cresce modestamente, mas há sinais de desaceleração, diz Fed


postado em 05/06/2019 18:07

A economia americana continua a crescer modestamente, mas o setor industrial mostra alguns sinais de desaceleração e os agricultores enfrentam tempos difíceis, disse um relatório do Federal Reserve (Fed, o Banco Central dos EUA) nesta quarta-feira (5).

Em sua pesquisa sobre as condições de negócios entre abril e meados de maio, o Fed descobriu que muitas fábricas continuam a melhorar com o crescimento da atividade, a forte demanda por trabalhadores e pouca indicação de aumento de salários e inflação.

Mas no meio da guerra comercial desencadeada pelo presidente Donald Trump, o otimismo do relatório é acompanhado por advertências sutis.

O Fed observa, por exemplo, "desaceleração" das indústrias, "gastos moderados" do consumidor, "agricultura fraca", "vendas de carros" menores, "grandes variações" no setor imobiliário regional e uma demanda "desigual" por crédito.

O relatório, conhecido como "Livro Bege", é lançado quando os mercados esperam que o Fed reduza as taxas de juros para preservar o crescimento econômico; uma possibilidade citada esta semana pelo presidente da entidade Jerome Powell.

O "Livro Bege" será o documento no qual serão baseadas as discussões sobre política monetária que o Fed marcou para os dias 18 e 19 deste mês.


Publicidade