Publicidade

Estado de Minas INTERNACIONAL

Yazidis negam cidadania a filhos do EI


postado em 29/04/2019 05:02

Crianças nascidas de mães yazidis violentadas por jihadistas do Estado Islâmico não serão consideradas parte da etnia curda, anunciou ontem o Conselho Espiritual Supremo dos curdos.

O futuro de crianças nascidas de estupros provocou um debate na comunidade, que reconhece como membros apenas filhos de pai e mãe yazidis. A partir de agora, elas não poderão fazer parte do grupo, que vive no norte do Iraque. (Com agências internacionais)



As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade