Publicidade

Estado de Minas

Multidão toma ruas de Argel para pedir fim do 'velho sistema'


postado em 19/04/2019 12:43

Uma multidão se reuniu no centro da capital argelina, Argel, pela nona sexta-feira consecutiva, para reivindicar a saída de todos os membros do governo herdado do presidente Abdelaziz Buteflika.

Outras concentrações em massa acontecem no restante do país, especialmente em Oran (oeste), Constantina e Annaba (leste), as cidades mais importantes depois da capital, relataram a imprensa local e a televisão estatal.

Milhões de argelinos têm tomado as ruas desde que conseguiram, em 22 de fevereiro, que Abdelaziz Bouteflika desistisse de disputar a reeleição e anulasse a eleição presidencial prevista para 18 de abril, antes de abandonar o poder. Ele comandava o país há 20 anos.

As manifestações desta sexta acontecem depois de o presidente do Conselho Constitucional da Argélia, Tayeb Belaiz, uma das principais personalidades do governo, apresentar sua demissão na terça-feira.

Belaiz, de 70 anos, fazia parte, junto com o chefe de Estado interino, Abdelkader Bensalah, e o chefe de governo, Nureddin Bedui, dos "3Bs", membros do entorno de Bouteflika rejeitados pela população.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade