...
Publicidade

Estado de Minas

EUA oferece milhões de dólares por informações sobre líderes do PKK


postado em 06/11/2018 19:37

Os Estados Unidos estão oferecendo milhões de dólares por informações sobre o paradeiro de três líderes do proscrito Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), informou um alto funcionário americano nesta terça-feira, após visitar Ancara.

Matthew Palmer, subsecretário americano de Estado, disse que as recompensas foram autorizadas por qualquer "informação que conduza à identificação ou localização" de Murat Karayilan, Cemil Bayik e Duran Kalkan.

A informação sobre Karayilan pode valer até 5 milhões de dólares, sobre Bayik, 4 milhões, e sobre Kalkan, 3 milhões de dólares, destaca um comunicado da embaixada dos Estados Unidos em Ancara.

As recompensas podem ajudar a aliviar a tensão entre Washington e Ancara, que tem solicitado a seus aliados ocidentais uma posição mais firme contra o PKK, proibido e considerado como grupo terrorista não apenas pela Turquia, mas também por Estados Unidos e UE.

Apesar de o departamento de Estado considerar o PKK como grupo terrorista desde 1997, a Turquia tem manifestado sua grande frustração pela cooperação na Síria entre Estados Unidos e as Unidades de Proteção do Povo (YPG), que Ancara considera um braço do PKK.

No mês passado, as autoridades turcas prenderam 137 pessoas em uma operação realizada contra os rebeldes do PKK em todo o país, segundo a agência estatal Anatólia.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade