Publicidade

Estado de Minas

Detido na Bélgica diplomata iraniano que planejou atentado


postado em 10/10/2018 20:42

O diplomata iraniano Assadollah Assadi foi detido nesta quarta-feira ao ser interrogado por um juiz de instrução na Bélgica por seu suposto envolvimento em um plano para atacar opositores iranianos durante uma reunião no final de junho na França.

Assadi foi enviado à prisão ao final do depoimento.

No dia 2 de julho, a promotoria federal anunciou ter desmantelado um plano para um atentado em Villepinte, subúrbio de Paris, onde era realizada a reunião anual do Conselho Nacional da Resistência Iraniana (CNRI), organizada pelos Mujahedines do Povo Iraniano (MEK).

Assadi, acreditado em Viena, foi detido na Alemanha no início de julho. A justiça alemã o entregou na terça-feira à Belgica, após um pedido de captura por parte de Bruxelas.

Teerã convocou nesta quarta-feira o embaixador alemão para protestar contra a extradição, fruto de "um complô de inimigos do Irã e das relações iraniano-europeias".

O Irã nega o envolvimento de Assadi no plano para atacar opositores iranianos na França.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade