Publicidade

Estado de Minas INTERNACIONAL

Itália diz que atitude mais severa sobre imigração está 'tomando corpo'


postado em 09/10/2018 15:01

O ministro do Interior da Itália, Matteo Salvini, conhecido pelo posicionamento contrário a imigrantes, declarou nesta terça-feira que o país "não será mais considerado um campo de refugiados". O chefe da pasta disse à imprensa que uma atitude mais severa dos italianos acerca do assunto está tomando corpo.

A Itália, linha de frente para imigrantes que cruzam o Mediterrâneo, já começa a recusar resgates de navios de organizações não governamentais que ancoram no país com imigrantes salvos de embarcações encalhadas ou naufragadas.

A declaração de Salvini foi feita durante reunião de chefes de segurança europeus em Lyon, na França, sobre a luta contra o terrorismo e o controle da migração. Estiveram presentes ainda o procurador-geral dos EUA, Jeff Sessions, e a vice-secretária de Segurança Interna americana, Claire Grady. Fonte: Associated Press.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade