Publicidade

Estado de Minas

Indígenas recebem com flechas militares que levavam material eleitoral no Mato Grosso


postado em 07/10/2018 17:54

Indígenas do Mato Grosso receberam neste domingo com flechadas militares que levavam material para instalar as urnas eletrônicas em sua aldeia, informou o Tribunal Regional Eleitoral do estado.

O ataque ocorreu no pequeno município de Brasnorte, onde os indígenas "receberam a força do Exército com flechas", indicou o juiz do tribunal, Lidio Modesto.

Os indígenas não queriam que o centro fosse instalado na aldeia, como foi definido após modificações do mapa eleitoral. "Eles queriam votar na cidade", acrescentou Modesto no boletim oficial do tribunal.

O impasse foi solucionado com a mediação da Fundação Nacional do Índio (Funai). Na aldeia, localizada a 580 km de Cuiabá, capital do estado, há 70 eleitores.

Também no Mato Grosso um indígena caiapó foi detido ao se apresentar no centro de votação com os documentos de 70 eleitores, alegando que votaria em nome de todos eles. O incidente ocorreu em Guarantã do Norte, a 720km de Cuiabá, apontou o boletim oficial do tribunal.

Neste domingo, os brasileiros foram às urnas para eleger presidente, governadores, senadores e deputados federais e estaduais.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade