Publicidade

Estado de Minas INTERNACIONAL

Pela América Latina, jornais destacam eleição brasileira polarizada


postado em 06/10/2018 16:59

As eleições presidenciais no Brasil figuram entre algumas das principais manchetes em jornais pela América Latina neste sábado, véspera da votação. As publicações destacam a eleição polarizada e fornecem perfis dos candidatos à frente nas pesquisas de intenção de voto.

Para o argentino La Nación, estas eleições então entre as "mais imprevisíveis e polarizadas na história recente do Brasil" e levantam expectativas em toda a região, especialmente na Argentina, que, "em plena tormenta econômica [que enfrenta], espera uma consolidação da recuperação de seu principal parceiro comercial".

O jornal destaca ainda que as questões centrais em aberto se voltam à política econômica dos principais candidatos. Ao mesmo tempo, o La Nación aponta que, entre os principais desafios do próximo presidente brasileiro, estão o déficit fiscal e a reforma da previdência, e que o governo argentino vê com bons olhos o começo de um novo mandato que avance com as negociações de livre-comércio com o Mercosul e União Europeia (UE).

Já o maior jornal da Colômbia, El Tiempo, destaca em reportagem especial que "os brasileiros celebrarão as mais incertas eleições desde que começaram sua etapa de transição à democracia". A matéria traça um perfil dos cinco principais candidatos, ressaltando que Jair Bolsonaro (PSL) é visto como o "Trump brasileiro" e que Fernando Haddad (PT) deve levar adiante o legado de Lula.

No México, o El Universal dá destaque ao avanço de Bolsonaro nas pesquisas de intenção de voto mais recentes, e aponta que o candidato "goza de um apoio apaixonado graças a sua boa organização de base nas redes sociais".

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade