Publicidade

Estado de Minas

Decisão do TSE sobre Lula adia pesquisas eleitorais


postado em 04/09/2018 23:12

O Ibope suspendeu a divulgação de uma pesquisa eleitoral prevista para esta terça-feira e o Datafolha cancelou a realização de uma sondagem para esta semana, após decisões do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) envolvendo a impugnação do ex-presidente Lula da Silva.

Ibope registrou sua pesquisa no TSE no dia 29 de agosto, antes da definição do Tribunal sobre a candidatura do ex-presidente, explicou o instituto em um comunicado.

Por este motivo, o questionário incluía dois cenários possíveis: um com o nome de todos os candidatos com registros solicitados, incluindo Lula, e outro com Fernando Haddad, candidato a vice-presidente na chapa do Partido dos Trabalhadores (PT), como eventual substituto do ex-presidente.

Pouco antes da meia-noite de sexta-feira, o TSE invalidou a candidatura de Lula e proibiu sua participação como candidato em atos de campanha ou propaganda eleitoral em rádio e TV.

Diante deste cenário, na manhã de sábado, antes da realização da pesquisa e para estar de acordo com as determinações do TSE, o Ibope não investigou o cenário com Lula, de forma diferente do que constava no registro da pesquisa, aplicando apenas o cenário com Haddad, assinalou o instituto.

O Ibope informou nesta terça-feira as modificações ao TSE e pediu seu aval para divulgar o resultado, mas até a noite não obteve resposta e, "por respeito à lei", não revelou a pesquisa, aguardando a decisão dos juízes.

Já o Datafolha cancelou a realização de uma pesquisa que faria entre 4 e 6 de setembro porque seu questionário contemplava o cenário com Lula. O instituto registrou uma nova pesquisa, que será divulgada na próxima semana.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade