Publicidade

Estado de Minas

Dennis Rodman não terá nenhum papel no encontro Trump/Kim


postado em 07/06/2018 15:48

A Casa Branca afirmou nesta quinta-feira (7) que Dennis Rodman, ex-jogador de basquete da NBA e amigo pessoal de Kim Jong Un, não terá nenhum papel na cúpula entre Donald Trump e o líder norte-coreano que acontecerá em Singapura em 12 de junho.

Segundo o jornal New York Post, Rodman estará em Singapura durante o histórico encontro entre os dois líderes na próxima terça-feira.

"Não sei que papel poderia ter o melhor especialista em rebotes da história do basquete neste tema", disse Hogan Gidley, porta-voz de Trump, na Fox News.

"Ele é grande nas quadras, mas as negociações devem ser conduzidas por aqueles que sabem fazê-las", acrescentou. "O presidente Trump é o melhor, assim, esperamos uma grande conversa entre ele e Kim Jong Un, sem Dennis Rodman".

Depois que essa cúpula foi anunciada, em meados de março, Rodman expressou no Twitter ter "um grande respeito" pelos dois líderes, ressaltando que ele já havia profetizado em 2014 avanços nas relações entre ambos os países.

Rodman visitou a Coreia do Norte pela primeira vez em 2013 com a equipe dos Harlem Globetrotters. Em 2014 reuniu uma equipe de jogadores da Coreia do Norte para uma partida de exibição para comemorar o aniversário de Kim. Inclusive foi filmado cantando "parabéns pra você" ao líder norte-coreano.

Sua última viagem à Coreia do Norte aconteceu em julho de 2017, quando deu a Kim uma cópia do livro de Trump "A arte da negociação".

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade