Publicidade

Estado de Minas

EUA fecham acordo com grupo chinês ZTE


postado em 07/06/2018 10:30

Os Estados Unidos fecharam acordo com o grupo de telecomunicações chinês ZTE, que permitirá à companhia retomar normalmente suas atividades, anunciou nesta quinta-feira o secretário do Comércio americano, Wilbur Ross.

Ross explicou ao canal de televisão CNBC que o acordo inclui uma multa de um bilhão de dólares para a empresa chinesa e o requerimento de reformule sua junta de diretores.

Em abril, o grupo chinês foi privado dos produtos tecnológicos dos Estados Unidos por violar sanções impostas por Washington à Coreia do Norte e Irã, medidas que ameaçam deixar a ZTE de fora do negócio.

Ross disse que o acordo inclui a formação de um departamento de supervisão escolhido por Washington para monitorar a companhia.

"Eles pagarão por essas pessoas, que responderão ao novo diretor", explicou.

Vários legisladores americanos advertiram, no entanto, sobre o risco de reduzir as sanções contra a ZTE, citando questões de segurança nacional.

Mas o presidente Donald Trump disse no mês passado que buscava opções para evitar o fechamento a empresa chinesa.

As notícias chegam em meio a crescentes tensões comerciais entre Washington e Pequim, com Trump ameaçando tarifar os produtos tecnológicos chineses para reduzir o amplo déficit comercial.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade