Publicidade

Estado de Minas

Biólogo sueco vence o Princesa das Astúrias de Pesquisa Científica


postado em 06/06/2018 08:06

O biólogo sueco Svante Pääbo foi anunciado como o vencedor do prêmio Princesa das Astúrias de Pesquisa Científica e Técnica pela sequenciamento do DNA de espécies extintas há milhares de anos, entre elas o neandertal.

Pääbo "abriu um novo campo de investigação, a paleogenética, que tornou possível conhecer a evolução recente de numerosas espécies, incluindo a humana", explicou o júri.

Nascido em Estocolmo em 1955, um dos principais feitos do sueco foi o sequenciamento completo do homem de neandertal, que surgiu há 200.000 anos e foi extinto há 30.000 anos.

O prêmio - uma escultura de Joan Miró, a quantia de 50.000 euros, um diploma e uma insígnia, será entregue em uma cerimônia em outubro.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade