Publicidade

Estado de Minas

Air France-KLM elege presidente interina após demissão de diretor


postado em 15/05/2018 12:12

O conselho administrativo da companhia aérea Air France-KLM elegeu nesta terça-feira (15) como presidente não executiva Anne-Marie Couderc, que terá o apoio de um comitê de direção colegiado à espera da escolha de um sucessor para seu presidente renunciante, Jean-Marc Janaillac.

A direção temporária "deverá ser o mais breve possível", informou o conselho.

Couderc, de 68 anos, advogada aposentada, foi ministra sob a presidência do direitista Jacques Chirac e também chefe da empresa.

Ela era administradora independente do grupo franco-holandês. Sua nomeação como presidente não executiva significa que a direção operacional do grupo ficará nas mãos do comitê de direção, composto por vários altos executivos da empresa.

Essas mudanças acontecem em um momento em que a Air France vive um conflito social que provocou a saída de seu presidente anterior, Janaillac.

Janaillac, que dirigia o grupo desde julho de 2016, havia assegurado que se demitiria caso os funcionários da companhia rejeitassem uma proposta de acordo que previa um aumento salarial imediato de 2% e um aumento de 5% no período 2019-2021.

Os sindicatos exigiam um aumento maior e, na consulta entre os funcionários, publicada em 4 de maio, a rejeição à proposta da direção atingiu 55,44% dos votos, provocando a demissão de Janaillac.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade