Publicidade

Estado de Minas

Paris afirma que operação contra Síria foi 'legítima, proporcional e objetiva'

Segundo a ministra da Defesa da França, os ataques aéreos atingiram o 'principal centro de pesquisas' e 'duas unidades de produção do programa clandestino químico' do regime sírio


postado em 14/04/2018 02:48 / atualizado em 14/04/2018 08:03

Foi 'legítima, proporcional e objetiva', declarou neste sábado o ministro francês das Relações Exteriores, Jean-Yves Le Drian, sobre o ataque dos EUA e aliados à Síria (foto: AFP / POOL / Michel Euler )
Foi 'legítima, proporcional e objetiva', declarou neste sábado o ministro francês das Relações Exteriores, Jean-Yves Le Drian, sobre o ataque dos EUA e aliados à Síria (foto: AFP / POOL / Michel Euler )

A operação militar de Estados Unidos, França e Reino Unido foi "legítima, proporcional e objetiva", declarou neste sábado o ministro francês das Relações Exteriores, Jean-Yves Le Drian.


"A escalada química na Síria não é aceitável", disse Le Drian em uma declaração no Palácio do Eliseu ao lado da ministra da Defesa, Florence Parly.


Segundo a ministra da Defesa, os ataques aéreos atingiram o "principal centro de pesquisas" e "duas unidades de produção do programa clandestino químico" do regime sírio.


"Esta capacidade de desenvolver, de produzir armas químicas foi atingida", disse Parly ao lado do chanceler francês.


"O objetivo era simples: impedir o regime de fazer novamente o uso de armas químicas".

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade