Publicidade

Estado de Minas

Comey, ex-diretor do FBI, classifica Trump como antiético e egocêntrico


postado em 12/04/2018 22:24

Washington, 12 - O ex-diretor do FBI James Comey classificou o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, como "antiético" e "ausente da verdade" em um novo livro. Ele chama o governo do republicano como "egocêntrico e voltado a questões pessoais".

Os comentários de Comey vêm no novo livro em que ele interpreta Trump como uma figura parecida com a de uma máfia que tentou obscurecer a linha entre a polícia e a política.

Para ele, o presidente americano tentou pressioná-lo em relação à investigação sobre a interferência da Rússia nas eleições presidenciais.

O livro fornece um relato em primeira mão de vários momentos sob o escrutínio da equipe do conselheiro especial Robert Mueller, como a suposta interferência da Rússia.

O texto será publicado na próxima semana. Fonte: Associated Press.

(Estadão Conteúdo)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade