Publicidade

Estado de Minas

ANC quer moção de censura na 5ª feira se Zuma não renunciar ainda hoje


postado em 14/02/2018 10:42

Johannesburgo, 14 - O governista Congresso Nacional Africano (ANC, na sigla em inglês) pediu ao Parlamento que vote amanhã uma moção de censura contra o presidente da África do Sul, Jacob Zuma, caso ele se recuse a renunciar ainda nesta quarta-feira.

O ANC propõe que Zuma seja substituído por seu vice, Cyril Ramaphosa.

Zuma ainda não se pronunciou sobre o desejo do ANC de que ele deixe o cargo. Seu mandato tem sido marcado por escândalos de corrupção e o ANC exige que Zuma antecipe o fim de seu segundo mandato de cinco anos de forma que o partido consiga angariar apoio antes da eleição de 2019.

O ANC irá agir se Zuma não responder a seu pedido de renúncia até o fim de hoje, afirmou o tesoureiro geral do partido, Paul Mashatile.

"Não podemos manter a África do Sul esperando", disse Mashatile.

Partidos de oposição já haviam marcado uma moção de censura contra Zuma para o próximo dia 22, mas os oposicionistas também desejam transferir a votação para esta semana. Fonte: Associated Press.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade