Publicidade

Estado de Minas

Para Pentágono, crise com Coreia do Norte está no campo diplomático


postado em 07/02/2018 19:48

A crise com a Coreia do Norte se insere "claramente" no campo diplomático, afirmou nesta quarta-feira (7) o chefe do Pentágono, Jim Mattis.

"O que concerne à situação com a Coreia do Norte está claramente no campo da diplomacia", disse Mattis a jornalistas, ao ser perguntado sobre se as perspectivas de um conflito com Pyongyang estação mais perto do que quando o presidente Donald Trump assumiu o governo dos Estados Unidos há um ano.

"Vimos uma ação diplomática muito mais forte", acrescentou o chefe do Pentágono, citando as recentes sanções contra o regime de Kim Jong-Un adotadas por unanimidade no Conselho de Segurança da ONU.

Consultado igualmente sobre a possibilidade de um eventual encontro ou contato entre o vice-presidente americano e responsáveis norte-coreanos, à margem dos Jogos Olímpicos que começam na sexta-feira em Pyeongchang (Coreia do Sul), Mattis respondeu que Mike "Pence poderá tomar uma decisão quando estiver na Coreia".

As declarações de Mattis foram formuladas no momento em que as duas Coreias deixaram de lado sua inimizade, pelo menos temporariamente, para que Pyongyang pudesse enviar atletas aos Jogos Olímpicos.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade