Publicidade

Estado de Minas

Extremistas islâmicos matam policial na Tunísia


postado em 04/01/2015 14:37

Tunísia, 04 - O ministro do Interior da Tunísia disse que um grupo de extremistas islâmicos cortaram a garganta de um policial e esfaquearam a região do coração, enquanto ele voltava do trabalho.

Um comunicado do ministro diz que o policial foi atacado na manhã deste domingo, quando estava a caminho de casa, na zona rural de Zaghouan, cerca de 40 quilômetros distante de Túnis.

Os extremistas também teriam arrancado um dedo da mão direita do policial.


Publicidade