Publicidade

Estado de Minas

Com aproximação de casamento, febre Clooney aumenta em Veneza


postado em 26/09/2014 13:46

George Clooney e sua noiva, a advogada britânica de origem libanesa Amal Alamuddin, chegaram nesta sexta-feira à tarde ao hotel Cipriani em Veneza, onde acontecerá a festa de casamento do casal.

A bordo de um barco-táxi batizado de "Amore", os dois pombinhos atravessaram o Grande Canal para desembarcar neste estabelecimento frequentado pelo jet set, juntamente com a ex-supermodelo Cindy Crawford e seu marido Rande Gerber.

Um jantar de gala está previsto para a noite, preparado pelo chef Riccardo de Prà neste palácio na ilha de Giudecca.

Nada havia sido anunciado, mas isso não impediu Veneza de se deixar levar pelo evento que deverá atrair um enxame de estrelas e paparazzi.

O ator, diretor e produtor americano, por muito tempo um dos homens mais cobiçados do mundo, vai se casar aos 53 anos com Alamuddin Amal, de 36 anos.

Nesta sexta-feira, os primeiros convidados desembarcaram no aeroporto de Veneza, entre eles os atores americanos Matt Damon, Miguel Ferrer (primo do noivo), Ellen Barkin e Richard Kind ("Spin City").

Considerado um dos amigos mais próximos de George Clooney, este último exclamou, diante de uma multidão de repórteres: "Ah, se eu soubesse que vocês estariam aqui, teria me produzido!".

Os funcionários entrevistados pela AFP não confirmaram a data da cerimônia, mas todos em Veneza apostam em segunda-feira e se preparam para um fim de semana de intensas comemorações.

"O nome de Clooney está na boca de todo mundo aqui em Veneza. Das mulheres, em particular", declarou Bruno Bartolini, motorista de barco-táxi, garantindo que a festa será "fantástica".

Clooney anunciou em abril anunciou seu noivado com Amal Alamuddin, nascido no Líbano e criada no Reino Unido.

Jurista internacional formada em Oxford, a jovem de longos cabelos castanhos e silhueta esguia trabalhou no Tribunal Internacional de Justiça em 2004.

Ela conta entre seus clientes com a ex-primeira-ministra ucraniana Yulia Tymoshenko e ainda Julian Assange, fundador do Wikileaks.

Entre os convidados esperados: Brad Pitt e Angelina Jolie, Sandra Bullock ...

A recepção será realizada no Hotel Aman sobre o Grande Canal, onde os convidados chegarão escoltados por barcos da polícia para afastar os fãs e fotógrafos.

A cerimônia deverá ocorrer na prefeitura, um magnífico palácio do século XIV, em frente ao hotel Aman, celebrada por Walter Veltroni, ex-prefeito de Roma e amigo de longa data de George Clooney, apesar de rumores de que o casamento civil já tenha acontecido em Florença, no Lago Como ou em Londres.

Mas as restrições anunciadas ao tráfego no Grand Canal, bem como os gastos exorbitantes com as festividades enquanto muitos sofrem com a crise, não têm agradado a todos em Veneza.

"Clooney não enchem nossos pratos. Ele se casar não vai resolver nossos problemas", reclamou Viviana, de 16 anos.

Mas estas considerações não afetam o humor das multidões de turistas que se reuniram nesta sexta-feira sob um sol brilhante para tirar fotos da prefeitura e do hotel Aman.

Ou dos vizinhos que alugam suas janelas para qualquer um que espera ver a noiva e o noivo. Segundo a imprensa, George deve vestir um terno Armani e Amal um vestido de Alexander McQueen desenhado por Sarah Burton, que criou o vestido de noiva de Kate Middleton em 2011.

George Clooney foi casado com a atriz Talia Balsam ("Mad Men") entre 1989 e 1993, pouco antes de sua participação na série "ER", que o levou ao status de símbolo sexual.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade