Publicidade

Estado de Minas

Desmond Tutu diz que não foi convidado para o enterro de Mandela


postado em 14/12/2013 10:40 / atualizado em 14/12/2013 11:23

O Prêmio Nobel da Paz Desmond Tutu, crítico do governo sul-africano, não comparecerá ao enterro de seu amigo e companheiro de luta Nelson Mandela porque não foi convidado, afirmou o ex-arcebispo. "Eu gostaria de assistir à cerimônia para dar um último adeus a alguém de quem gostava e apreciava, mas teria sido pouco respeitoso com Tata aparecer em algo que está planejado como um funeral privado da família", afirma em um comunicado.

"Se meu gabinete ou eu mesmo tivéssemos sido informados de que eu era bem-vindo, não perderia por nada no mundo", completa a nota. A filha do ex-arcebispo anglicano da Cidade do Cabo, Mpho Tutu, já havia informado à AFP que Tutu "não havia sido incluído como membro do clero para o evento e, portanto, não compareceria". Mas a presidência sul-africana garantiu que Tutu estava na lista de convidados para o sepultamento.

"Eu conferi e definitivamente está na lista", disse o porta-voz da presidência, Mac Maharaj, à AFP. "É uma pessoa muito especial para nosso país e sem dúvida nenhuma está na lista", insistiu. "Se existe o mínimo problema, faremos o necessário para solucionar". Desmond Tutu, de 82 anos, critica com frequência o presidente Jacob Zuma, especialmente os escândalos de corrupção e o fracasso na tentativa de reduzir as desigualdades.

O enterro do ícone da luta contra o apartheid e primeiro presidente negro da África do Sul acontecerá no domingo em Qunu, vilarejo onde Mandela passou a infância.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade